Mensagem subliminar no logotipo do Governo Federal

Está na cara, mas ninguém (ou quase ninguém) vê: O Governo Federal desde 2002 utiliza de meios ilícitos na vinculação do logotipo “Brasil, um país de todos”; que, além de conter mensagem subliminar, viola o texto constitucional. Hoje vamos falar de Lula, Google, Copa do Mundo, PT e marketing – acredite – todos esses assuntos estão interligados.
Já parou para dar uma olhada clinica na marca "Brasil, um país de todos"? Se não, observe atentamente a imagem abaixo:


Você deve ter reparado que a palavra “Brasil” está colorida com todas as cores da bandeira nacional, com exceção da letra “L” de Lula, que está em destaque na cor vermelha para representar o Partido dos Trabalhadores (PT). Coincidência não?

O advogado, Marco Antonio Pizzolato, impetrou no STF uma ação popular contra o Presidente da República criticando a vinculação ilícita da marca "Brasil, um país de todos". Em sua petição, Marco alega que a marca viola o art. 37, §1° da Constituição Federal, que diz: “A publicidade dos atos, programas, obras, serviços e campanhas dos órgãos públicos deverá ter caráter educativo, informativo ou de orientação social, dela não podendo constar nomes, símbolos ou imagens que caracterizem promoção pessoal de autoridades ou servidores públicos.”

Mas a sede por mensagens subliminares do Governo Lula não para por ai. Dá uma close no desenho da Campanha do Brasil para a Copa de 2014:

O desenho da campanha da Copa do Mundo de 2014 no Brasil traz o número “4” em vermelho e, formando a letra "L". Temos aqui outra coincidência? Bom, o vermelho não está em nenhum símbolo nacional, não é mesmo?…É importante para o PT que o vermelho esteja bem articulado na cabeça dos eleitores. Em relação a formação da letra "L" no número "4", acho que não preciso dizer a quem se refere, né?

Outro detalhe interessante: Lula, segundo a constituição, só pode governar o Brasil por duas vezes consecutivas. Nesse entendimento, o atual presidente só poderá disputar novamente uma eleição presidencial em… em… em… 2014!

Além disso, esta marca usa uma seqüência de cores idêntica às do Google. Compare as cores das últimas letras (OGLE) do logo da Google com esta marca pró-Lula, digo, pró-Copa do Mundo 2014.

A crítica nesse artigo é no sentido de que o governo não está autorizado por lei a criar símbolos ou marcas próprias dentro da administração pública para que sejam usadas em benefício próprio. Se o Brasil fosse um país de todos, como diz o governo, estas mensagens subliminares nunca teriam existido.

Fonte: www.fazmerir.com

Anúncios

O bom e velho blog ainda tem espaço na era do Twitter e das redes sociais?

Com a evolução da própria internet e da sua forma de uso, surgiram novos recursos mais interativos, como as mídias e redes sociais, culminando no Twitter

AdministradoresOs blogs surgiram há alguns anos como uma forma revolucionária de interagir na internet. Em vez de sites complexos e complicados, cheios de recursos visuais e que exigiam diversos técnicos para o seu desenvolvimento e atualização, você mesmo podia criar um blog na hora, de graça, e falar de suas preferências, opiniões e pontos de vista a qualquer momento. De certa forma, os blogs deram início à verdadeira democratização da web, no sentido de permitir que qualquer pessoa com acesso à rede pudesse se expressar publicamente com liberdade.

Com a evolução da própria internet e da sua forma de uso, surgiram novos recursos mais interativos, como as mídias e redes sociais, culminando no Twitter. A ascensão destas novas formas interativas reduziu a notoriedade dos blogs, mas não a sua importância, principalmente para as empresas.

O papel de gerar burburinho (buzz) e espalhar rapidamente uma idéia, slogan ou conceito (viral) foram assumidos por sites como Twitter, Facebook e Orkut, mais ágeis e dinâmicos (como ficou comprovado no impressionante fenômeno recente do "Cala a boca Galvão"), assim como novas redes sociais que surgem a cada dia, como o FormSpring. Porém os blogs continuam sendo imbatíveis em três aspectos:

· Canal de informação: dizer aos clientes o que você está fazendo e descobrir o que eles estão pensando.
· Canal de relacionamentos: construir uma base sólida de experiências positivas com seus clientes, que os converta de meros consumidores de antes em fãs da sua empresa e de seus produtos.
· Gestão do conhecimento: disponibilizar o conhecimento de sua empresa para as pessoas.
Mas é preciso ter consciência de que o blog é apenas um meio. Assim como o Twitter, não vai gerar resultados sendo usado apenas como mais um canal de propaganda da empresa.

A força do blog está na interação com os clientes e na possibilidade da empresa transmitir seus valores prioridades. O retorno direto não é medido em vendas, mas no grau de relacionamento que a empresa consegue estabelecer com seus clientes. Quanto mais forte esse relacionamento, maior a fidelidade aos seus produtos e serviços e, aí sim, maiores as possibilidades de venda. Algumas formas de exercitar este diálogo são:

· Fortalecer o relacionamento – O blog é um excelente canal para ouvir o que consumidores e clientes têm a dizer sobre os seus produtos e serviços, como fazem uso deles e quais as sugestões para melhorá-los.
· Reagir a eventos negativos à empresa – Blogs funcionam como um serviço de atendimento ao cliente, respondendo rapidamente às dúvidas e reclamações. Servem também como uma forma de monitorar o que falam da sua empresa e da sua marca na internet, fornecendo feedback sobre suas ações de comunicação e marketing.
· Influenciar os formadores de opinião – Um blog pode ser a melhor forma para chamar a atenção e influenciar os chamados "formadores de opinião" (especialistas, jornalistas, artistas, etc.) cujas preferências e escolhas influenciam diversas outras.
Na prática, tomemos como exemplo um hotel. Ele pode usar o seu blog para ouvir as sugestões dos clientes em relação ao atendimento ou serviço de quarto, mostrar as melhorias que está fazendo e avisar os clientes sobre novos pacotes e promoções. Ao mesmo tempo, atender as queixas e eventuais reclamações e mostrar as medidas que está tomando para resolvê-las.

Para atrair os formadores de opinião, no caso publicações especializadas em turismo, divulgar depoimentos de clientes satisfeitos ou das atrações diferenciadas da sua cidade ou região.

Cabe destacar também que o uso dos blogs não exclui a atuação nas redes e mídias sociais. Enquanto o Twitter é imediato e focado em ações rápidas, o blog é ágil e mantém o relacionamento aberto. Atuando juntas, se complementam e criam sinergia capaz de aumentar o raio de ação das suas ações de marketing digital.

Garotas invisiveis

Vejam, com atenção pois vocês vão querer assistir o video novamente.

Na verdade eu percebi alguma coisa estranha logo na primeira vez que vi, logo na primeira cena, e na cena do banheiro, as outras nem tinha percebido, e você percebeu?

Emo Futebol Clube

Emo-FC_CapaEmo-FC_CuquemoEmo-FC_EmarcosEmo-FC_FenomenoemoEmo-FC_JuanemoEmo-FC_JuliemoBaptistaEmo-FC_KakemoEmo-FC_LeonardoEmouraEmo-FC_NilmaremoEmo-FC_OdvemoEmo-FC_Robertemo-CarlosEmo-FC_RobiemoEmo-FC_RonaldinhemoGaucho

Fonte: http://globoesporte.globo.com